Inovações Tecnológicas e o Futuro da EaD

Tempo de leitura: 4 minutos

As inovações tecnológicas estão presentes em todas as áreas, e seu “nível tecnológico” pode variar de acordo com a época em que a inovação em questão é aplicada.

Por exemplo, como já abordamos no artigo EAD – Uma História, a EaD só foi possível por intermério das tecnologias existentes na época, como cartas, telegramas, sinais e aparelhos de rádio, televisão, e assim por diante. Se parar um pouco para pensar, ela própria já é uma inovação tecnológica.

A educação a distância revolucionou a educação convencional, abrindo portas para um público cada vez maior ter acesso a um ensino de qualidade.

Materiais de apoio

Como falado anteriormente, há alguns bons anos, o material de apoio utilizado eram as referências das inovações tecnológicas da época: slides, VHS’s, CD-ROOM’s, cartas, disquetes, apostilas. Todos esses recursos podiam ser materiais didáticos e revolucionavam a educação.

Leia mais em: O que é material didático?

E hoje? Com tanto avanço tecnológico, o que há de novo para a EAD?

Inovações Tecnológicas e o Futuro da EaD

Ao longo das últimas décadas, a tecnologia avançou de uma forma avassaladora. Diversos exemplos podem ser colocados aqui como: o surgimento e a evolução da internet, os grupos sociais online, as televisões que acessam a rede, os sistemas que integram diversos aparelhos, os videogames cada vez mais próximos do real, o marketing inteligente, a inteligência artificial… Calma aí!

É muita coisa! Mas será que todos esses recursos podem auxiliar no avanço da EaD?

Com certeza! No livro “Educação Sem Distância”, o escritor Romero Tori traz exemplos de recursos que podem ser ou que já estão sendo implantados na Educação a Distância. Vamos conhecer?

Realidade virtual

Possibilita a utilização de ambientes interativos, nos quais o aluno poderia caminhar e relacionar-se com o espaço. Imagine-se visitando um museu ou a torre Eiffel, podendo caminhar por todo o lugar. É claro que a emoção não será a mesma de uma viagem, mas será uma experiência muito mais marcante do que só visualizar as imagens do local.

A realidade virtual é uma ferramenta com infinitas possibilidades, uma vez que pode transformar as mais diversas áreas e situações. Segue abaixo um vídeo sobre a realidade virtual auxiliando na vacinação infantil.

Realidade aumentada

Traz o uso de elementos virtuais na realidade, como se aqueles objetos virtuais existissem no espaço real.

Para enriquecer, que tal conferir essa entrevista sobre realidade aumentada com Romero Tori e Bruno Duarte no programa Conexão Futura?

Videoconferência

Diferentemente da teleconferência, que ocorre quando há apenas o vídeo do apresentador, professor ou palestrante, a videoconferência utiliza-se de aplicativos de telecomunicações nos quais há a transmissão de vídeo de ambas as partes.

Esse recurso permite uma aula mais participativa, reuniões com as duas partes “presentes”, independentemente de onde estejam as pessoas que participarão.

Games

Os games estão dominando o mercado do entretenimento, e a educação não pode deixar de aproveitar esse gancho. Além de jogos voltados para a educação, temos também a gamificação, que inclusive já foi abordada aqui no blog.

Todavia, ainda temos o que aprender com os jogos, já que existem algumas vantagens ao se jogar um game, mesmo que este não esteja dentro do contexto educativo.

Por meio deles, é possível aprender a trabalhar sob pressão, participar e colaborar em equipe, aprender a partir da prática, entre muitos outros.

Caso queira se aprofundar, confira o vídeo “Games e Gamificação em Educação” do professor João Mattar.

Para finalizar…

Mesmo com os recursos apresentados, sabemos que existem muitos outros que podem alavancar o ensino. A tecnologia avança diariamente e cabe a nós aproveitarmos suas facilidades para transformar a educação e os treinamentos em uma experiência!

Vamos juntos levar o conhecimento a um outro patamar e revolucionar a educação a distância!

A Raleduc traz o uso de recursos tecnológicos para revolucionar o treinamento corporativo. Caso queira saber como ajudamos as organizações: ASSEFAZ, TCE-RJ, UFRGS, INFRAERO, SEST SENAT e SEBRAE Nacional, entre em contato e fale com um de nossos especialistas.

Gostou do artigo? Então compartilhe com seus amigos!

Referências

Games e Gamificação em Educação

TORI, Romero. Educação Sem Distância: as tecnologias interativas na redução de distância em ensino e aprendizagem. Editora Artesanato Educacional. São Paulo, 2017.

Realidade virtual transforma a experiência da vacinação infantil

Realidade aumentada na educação – Conexão Futura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.