O que é a UTD – Unidade de Transposição Didática?

Tempo de leitura: 3 minutos

Quando vamos calcular algumas coisas, utilizamos unidades de medidas, como por exemplo: quando queremos saber a quantidade de líquido que cabe em um recipiente utilizamos o “Litro”, ou quando vamos ao supermercado e vamos pesar frutas ou legumes utilizamos o “Kilograma”.

Poder medir nosso trabalho não é uma tarefa fácil, já que o desenvolvimento de um curso a distância depende de diversos fatores e profissionais que estejam engajados e sejam expert’s dentro sua área profissional para que um curso online possa acontecer.

Desde a preparação didática do conteúdo, a busca de profissionais competentes e a elaboração do curso em si.

Assim, para facilitar a medição e o valor de nossos serviços criamos nossa própria unidade de medida que será explicada a seguir…

UTD – Unidade de Transposição Didática

Este serviço trata da produção dos conteúdos de um curso online. E para isso a RALEDUC lança mão de diversas estratégias tecnológicas, tais como flash, HTML 5, ilustração, jogos, designer gráfico, vídeo, áudio entre outros.

Para conhecer melhor como funciona todo o processo de criação de um curso, veja nosso infográfico Etapas da criação de um curso EAD.

Contamos com uma equipe multidisciplinar formada por gestor de projetos, pedagogo, programador, revisor de textos, ilustrador, web designer e designer gráfico.

E, caso queira saber mais sobre a equipe envolvida durante a produção de cursos a distância, veja nosso infográfico Quem é quem na EAD?

Para este serviço nós criamos nossa própria unidade de medida, a Unidade de Transposição Didática – UTD. A UTD é calculada com base no número de laudas ou slides do material bruto entregue pelo contratante.

Um conjunto de UTD contempla as seguintes produções:

  • Projeto pedagógico;
  • Projeto gráfico;
  • Revisão ortográfica de texto;
  • Diagramação do material textual (apostila);
  • Implementação de telas interativas (flash ou HTML 5);
  • Criação de cenários, personagens e imagens;
  • Exercícios objetivos integrados aos conteúdos;
  • Modelo estratégico da oferta e seus artefatos.

A produção audiovisual e locução são cobradas a parte da Unidade de Transposição Didática – UTD, pois varia de projeto para projeto.

Enfim, entendemos que é a UTD, mas o que é uma Transposição Didática?

Transposição didática

A transposição didática nada mais é do que transformar o conhecimento científico e específico para uma linguagem mais simples e de fácil acesso. Adequar o conteúdo para o público ao qual se destina o curso.

O termo transposição didática foi introduzido pelo sociólogo Michel Verret em 1975. Em 1985 Yves Chevallard teorizou o termo no livro La Transposition Didatique, onde este aborda as transformações sofridas quando o conhecimento passa do campo científico para o campo escolar.

 “Um conteúdo do saber que foi designado como saber a ensinar sofre a partir daí, um conjunto de transformações adaptativas que vão torná-lo apto para ocupar um lugar entre os objetos de ensino. O trabalho que transforma um objeto do saber a ensinar em objeto de ensino é denominado de transposição didática” (Chevallard, 2001).

Conclusão

No artigo de hoje pudemos conhecer o método que utilizamos como forma de medida para a produção de conteúdos didáticos para cursos online. E também tivemos a oportunidade de aprender o que é uma transposição didática.

E você? Utiliza algum método para medição de seu trabalho com produção de conteúdo? Entre em contato e nos conte sua experiência!

Caso tenha ficado com alguma dúvida ou queira uma mãozinha para utilizar a UTD entre em contato conosco e converse com a gente!

Gostou do artigo? Compartilhe o conhecimento com seus amigos!

 

Referências:

CHEVALLARD, Yves. La transposition didactique: du savoir savant au savoir enseigné. 1985.

MENEZES, Ebenezer Takuno de; SANTOS, Thais Helena dos. Verbete transposição didática. Dicionário Interativo da Educação Brasileira – Educabrasil. São Paulo: Midiamix, 2001. Disponível em: <http://www.educabrasil.com.br/transposicao-didatica/>. Acesso em: 09 de ago. 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *