O que significa EAD?

Tempo de leitura: 7 minutos

EAD

Você já deve ter ouvido falar na sigla EAD, que tem sido muito utilizada no meio educacional. Mas muita gente não sabe o que significa EAD. Trata-se de “educação a distância”. Graças ao advento da internet e dos novos avanços tecnológicos, tornou-se possível promover uma nova maneira de ensinar.

Esse tema tem sido abordado amplamente no meio acadêmico, sendo assunto de monografias de graduação, pós-graduação e até mesmo doutorado. Muitos pesquisadores conceituados tem teorias formadas sobre o que significa EAD. Há livros que discutem esse assunto, além de publicações de todo o tipo, como artigos e outros textos que abordam características desse método de ensino.

A educação a distância (EAD) é um modo de aprender no contexto educacional, apresentando uma expansão no cenário mundial. Em nível tecnológico, as inovações permitem novos ambientes de aprendizagem no contexto pedagógico de educação a distância. De forma flexível, o EAD corresponde ao paradigma da auto-formação, com uma opção viável de aprendizagem.

O que os pesquisadores têm escrito sobre o EAD

Muitos estudos tem admitido que o ensino aberto e à distância é uma força que contribui claramente para o desenvolvimento social e econômico. Hoje, a educação a distância tornou-se progressivamente uma parte indispensável da educação, e tem ganhado a aceitação no âmbito dos sistemas de ensino tradicionais, tanto em países desenvolvidos, como subdesenvolvidos.

Mas, esse boom tem sido estimulado em parte pelo crescente interesse dos estudantes. Além disso, há consenso entre os pesquisadores sobre a necessidade de apoiar novas formas de educação, usando abordagens inovadoras para garantir o direito fundamental de todos os indivíduos a educação.

EAD

Conceitos que previam o EAD até sua consolidação atual

Knowles (1988) propôs um conceito que tem tido muito impacto sobre a literatura educacional, trata-se da aprendizagem autodirigida. Nela os alunos fazem o diagnóstico de suas próprias necessidades de aprendizagem, de acordo com os seus objetivos. A partir da identificação de recursos e estratégias de aprendizagem e de planejamento, ocorre a avaliação da própria aprendizagem.

Os primeiros teóricos a incorporar o conceito de autonomia em uma teoria de educação a distância foi Moore e Kearsle (2007). Ele observou que, no EAD, os mais altos níveis de atividade e interação podem ser alcançados com relativa facilidade e existem muitas outras possibilidades promissoras para o desenvolvimento da aprendizagem. A autonomia deve ser considerada um pré-requisito para a aprendizagem do aluno da educação a distância.

Peters (2003) enfatiza que as ações educacionais no contexto podem promover a aprendizagem autodirigida. Isso permite que os alunos aprendam de forma independente, mas através da mediação da tecnologia é possível melhorar as características do processo de aprendizagem colaborativa.

Para Belloni (1999), a aprendizagem na educação a distância caracteriza-se, essencialmente, por flexibilidade e maior autonomia do estudante. O autor afirma que a educação a distância é uma outra forma de educação e aprendizagem, referindo-se as formas de acesso, metodologias pedagógicas e estratégias.

Ele argumenta que essa modalidade tem todos os recursos necessários para promover a abordagem ativa para a aprendizagem ao longo da vida e aprendizagem autônoma. Portanto, a educação a distância contribui para a educação, uma vez que fornece suporte para os estudantes estabelecerem seu próprio ritmo para assimilar novas informações e conhecimentos.

Silva (2009) se refere à educação a distância como um gênero de educação sem fronteiras e acessível a todas as pessoas como uma forma de aprendizagem para adquirir novos conhecimentos e habilidades: a instrução em sala de aula vai para o modelo a distância através de simulações virtuais e programas de educação continuada no universo online.

Investir em realidade virtual e criar escolas virtuais baseadas em e-learning, bem como uma grande variedade de estratégias, motiva os alunos na colaboração do processo de aprendizagem (Ferreira Silva, 2009).

EAD

Inúmeras maneiras de definir o que significa EAD

No contexto educacional atual, muitos autores definem o EAD como uma resposta as necessidades de construção do conhecimento, independentemente de tempo e espaço, como uma forma de ajudar a resolver alguns problemas da educação brasileira. Essa modalidade tem instrumentos capazes de contribuir para a educação no país através do uso intensivo das tecnologia disponíveis.

Para Behar (2009), o conceito de educação a distância refere-se a uma maneira organizada de aprendizagem que é marcada por uma divisão física entre o aluno e o professor em um contexto tecnológico. Ou seja, todos compartilham o mesmo espaço de ensino, ao mesmo tempo.

Preti (2005) refere-se as diferentes dimensões da autonomia na educação a distância, refletindo o papel dos estudantes e educadores. Nesse novo cenário, cabe ao estudante assumir a responsabilidade pela sua própria educação, autonomia e disciplina para estudar cumprindo os compromissos de todo o processo educativo.

A educação a distância é objeto de estudos de vários pesquisadores. Vamos destacar agora mais algumas definições.

O que significa EAD?

Segundo Vargas (2003), o conceito de educação a distância, muitas vezes é confundido com o de educação aberta, refere-se ao processo de ensino-aprendizagem que ocorre fora da sala de aula, rompe com as barreiras do tempo e do espaço e promove diferentes formas de interação entre alunos e professores.

Para Moore e Kearley (1996) é uma aprendizagem planejada que normalmente ocorre em diferentes lugares de onde se encontra o professor, o que requer técnicas especiais de desenho de curso, de tecnologias instrucionais, de métodos de comunicação eletrônica e outras tecnologias, bem como arranjos administrativos e organizacionais especiais.

EAD para Belloni (2001) caracteriza-se por um sistema multimídia de comunicação bidirecional com o aluno afastado do centro docente. Geralmente é oferecido em ambiente de apoio para atender de modo flexível à aprendizagem de uma população massiva e dispersa geograficamente.

A educação a distância faz parte da família de métodos instrucionais nos quais os comportamentos de ensino são executados em separado dos comportamentos de aprendizagem. Incluindo aqueles que, numa situação presencial, seriam desempenhados na presença do aluno, de modo que a comunicação entre o professor e o aluno deve ser facilitada por dispositivos impressos, eletrônicos, mecânicos e outros.” Moore (1973 apud Belloni, 2001).

O certo é que o EAD estimula o conhecimento e a busca por informações por meio de tecnologias de comunicação que ultrapassam as barreiras do tempo e do espaço. Aluno e professor podem estar em horários e locais diferentes, ou seja, as dimensões de tempo e espaço deixam de ser restrições no processo de ensino e aprendizagem.

Outra característica fundamental do EAD, é que, ao contrário do que acontece na educação tradicional, o professor não é a figura central no processo de ensino-aprendizagem. Conforme comparação feita por Mattos (1996, p.93): “No ensino tradicional, centrado no professor, sobressai sua capacidade expositiva. O ensino a distância é direcionado ao participante, à sua autoinstrução, respeitando suas possibilidades, seu ritmo e tempo de aprendizagem, o aprendiz é a referência maior.

EAD

Conclusão

No artigo de hoje, entendemos o que significa a sigla EAD, juntamente com suas finalidades e praticidades, principalmente dentro do universo educacional.

Vimos o que pesquisadores têm escrito sobre EAD, deixando claro que o boom da educação a distância tem sido estimulado pelo crescente interesse dos estudantes.

Deixamos para você, conceitos do EAD, de 1988 até os dias atuais, como por exemplo, o de Belloni (2001) que diz que a educação a distância caracteriza-se por um sistema multimídia de comunicação bidirecional com o aluno afastado do centro docente.

E ai, o que achou do artigo? Tiramos todas as suas dúvidas sobre o que significa EAD? Conta para a equipe! Estamos ansiosos pelo seu contato.

Nos ajude a disseminar o conhecimento. Compartilhe com os seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *